Médias Móveis na análise gráfica

Certamente você já deve ter ouvido falar ou mesmo visto aquelas linhas coloridas que percorrem o gráfico de uma ação na bolsa de valores, não é?. Pois então aquelas linhas do contrário dos que muitos pensam é que elas possuem uma função que estaremos abordando com mais detalhes.

As médias móveis fazem parte da categoria de rastreadores de tendência na bolsa de valores e são representadas em formatos de linhas coloridas como vemos atualmente nos gráficos. A função principal desses rastreadores é acompanhar o preço médio das ações ou do índice fornecendo informações importantes sobre a possível continuidade de um movimento de alta ou de baixa. Essas linhas funcionam como base de análise até mesmo de outros indicadores sobre a força do indicativo de uma tendência atual.

Para calcularmos o preço médio de uma cotação se baseando nas médias móveis devemos entender o seguinte:

Existem médias móveis diferentes entre si como por exemplo: as médias móveis simples, média móvel exponencial e ponderada. NO caso dos preços temos os preços de abertura, máxima, mínima ou fechamento.

Para o cálculo de uma média móvel utiliza-se o preço de fechamento das cotações, pois é entendido como a expectativa ou consenso dos investidores até o fim das negociações.

O período é um dos fatores a serem considerados para projetarmos uma linha de raciocínio no curto, médio ou longo prazo para aquela cotação.
Como podemos usar as médias móveis com utilidade?

A finalidade de uma média móvel é reduzir ruídos produzidos pelos preços e apontar uma direção possível, sendo assim as médias móveis podem mostrar algumas atitudes e servir como ponto de referência posteriormente. Por exemplo:

No gráfico a inclinação da linha da média móvel para cima sinaliza uma tendência de alta logo no ponto A. Observe que após esse ponto os preços alcançam novos topos e a tendência foi de alta.

Muitos investidores utilizam essas médias para estabelecer também topos e fundos como base para entrada no mercado, durante a escolha do preço mínimo de saída ou mesmo de entrada. No ponto C por exemplo a média funcionou como suporte e no ponto D respectivamente funcionou como resistência indicando uma pequena queda do preço.

Média Móvel simples: Essa média se baseia em uma cadeia numérica de soma entre os últimos preços de fechamento dividido pelo nº de preço somados, obtendo um preço referência ou média para aquela cotação. Por exemplo:

MMS = p1+p2+p3+p4+p5 / 5 (média de 5 períodos). Utiliza-se os últimos preços de fechamento excluindo sempre o 1º da soma inicialmente e variando a cada dia.

Média Móvel Exponencial : Em comparação a média móvel simples essa média da um peso maior para último preço por exemplo:

MME = V1- MME Anterior x 2/(n+1)+ MME Anterior

Explicando:

Média Móvel exponencial é obtida pelo 1º valor do período menos a última média x 2 dividido pelo período + 1 + a última média exponencial

Sobre admin